: Samir recebendo os primeiros atendimentos pelo médico Luiz Marti Peralta. O atleta passou mal após
No fim da tarde de sábado (14), após a rotineira partida de futebol entre amigos veteranos com idade acima de 48 anos, um susto mobilizou todos os atletas e posteriormente o Corpo de Bombeiros de Aquidauana.
 
O aquidauanense Samir Elias Mahmud Jaffal, de 50 anos, atleta do IMEC, teve um mal súbito, com parada cardíaca, recebendo já de imediato os primeiros socorros do médico Luiz Peralta, também atleta do referido time, no Campo Baixadão, no Bairro Guanandy em Aquidauana.
 
Com a gravidade do caso Elias foi levado pelos Bombeiros para o Hospital Regional Dr. Estácio Muniz. Enquanto era atendido, os amigos e atletas aguardavam do lado de fora.
Por um instante, a pulsação de Samir havia voltado, mas em seguida voltou a cair. A equipe plantonista do Hospital fez o possível para reanimá-lo, porém sem sucesso, e depois de alguns instantes a confirmação da morte de Samir.
 
Samir Elias Mahmud Jaffal, de 50 anos, funileiro de profissão, era casado e deixa 4 filhos. Seu corpo foi velado e enterrado no domingo no cemitério de Aquidauana.
 
"Uma morte como desse amigo Jaffal, nós lamentamos muito e fica a alerta, porque na maioria nos esquecemos de ir ao médico, muitos de nós não fazemos a rotina médica e fica a alerta para prestar mais atenção no nosso dia a dia e ter a consciência de procurar médico. Que esta tragédia sirva de alerta. Quero parabenizar o médico que fez de tudo para salvar nosso amigo, nós todos tentamos! Mas infelizmente não foi possível", lamentou Inácio.
 
O IMEC é um grupo de futebol do Baixadão com atletas com mais de 48 anos e existe há 04 anos.

Fonte: Da Redação/Priscila Barbiéri