Sem reajuste há 19 meses, a tarifa de ônibus em Corumbá, município distante 419 km, subirá a partir do mês que vem para R$ 3,25. Atualmente o valor cobrado pelo transporte público na cidade é de R$ 2,80.
 
Segundo informações do site Diário Corumbaense, o decreto de reajuste foi publicado no DIOCORUMBÁ (Diário Oficial do Município de Corumbá), na quinta-feira (27), e estabelece que a nova tarifa passa a vigorar a partir de 1º de novembro. Caso o usuário pague com o cartão magnético, o preço será de R$ 3,20.
 
O preço para as linhas rurais estipulados no decreto forma: Taquaral, R$ 5,00; Jacadigo: R$ 6,80; Urucum, R$ 8,00 e Albuquerque, R$ 14,50.
 
Além disso, de acordo com o decreto Nº 1.718, assinado no dia 26 de outubro estabelece que os valores já carregados no cartão magnético, adquiridos antes do reajuste tarifário, poderão ser utilizados com a mesma tarifa fixada no período anterior, por um prazo de 30 dias a contar do início da vigência das novas tarifas.
 
O reajuste de 16,08% “ficou abaixo do índice Geral de Preço do Mercado apurado para o período”. Segundo o diretor-presidente da Agetrat, Alexandre Vasconcellos, o valor foi definido após analise das planilhas de custo apresentadas pela concessionária do serviço. 
 
A empresa solicitava valor próximo aos R$ 3,50 praticados na linha Corumbá – Ladário, mas foi negado pelo Município por entender que aquele valor não se justificava.
 
O último reajuste havia ocorrido em 27 de março de 2015, quando a tarifa do transporte coletivo nas linhas urbanas de Corumbá passou de R$ 2,40 para os atuais R$ 2,80.

Fonte: Fernanda Yafusso - Campo Grande News


Deixe seu comentário