Conversa entre dois deputados estaduais de Mato Grosso do Sul a qual reportagem do Portal Correio do Estado teve acesso revela negociação para fraude em folhas de pontos de servidores da Assembleia Legislativa. Na conversa, Paulo Corrêa (PR) orienta Felipe Orro (PSDB) a fraudar documentos para garantir que nenhuma irregularidade seja descoberta.

Assim que o deputado Paulo Corrêa atende ligação de Orro, no próprio gabinete da Assembleia, o deputado deixa claro que o assunto que irá tratar com o colega peesedebista é sigiloso e sério. São pouco mais de 3 minutos de conversa.

O deputado do PR se revolta em razão de Orro não estar sabendo do que "está sendo feito em todo Brasil". Confira a conversa na íntegra no final da matéria.

"A Rede Globo está entrando nas assembleias legislativas do Brasil inteiro e onde que ela pega você. Você e eu temos bastante, você sabe o que você eu temos bastante, não sabe? Põe um controle de ponto. Mesmo que seja fictício, do começo do ano até agora, pega o seu chefe de gabinete e manda agir".

Enquanto Paulo Corrêa dá as orientações ao colega, Orro não responde nada e continua ouvindo. "Todo dia aquelas pessoas têm que assinar o ponto até que passe esse rolo aí, tá bom?". O deputado do PSDB confirma que entendeu a mensagem e questiona o que fazer com trabalhadores que "estão na base", ou seja, trabalham nas cidades onde os deputados foram eleitos.

"Tem que tomar muito cuidado, faz o seguinte, quando nós voltamos? Fevereiro? De 15 de fevereiro para cá faz o ponto e manda todo mundo assinar. Vamos dizer que você tenha 20 em cota normal, mas tem mais 20? Faz os 40 assinar".

Fonte: Correio do Estado


Deixe seu comentário