Cada advogado de defesa terá uma hora para se pronunciar
Retomado no plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) o julgamento do Mensalão. A sessão desta segunda-feira (06) é destinada às argumentações dos advogados de defesa dos cinco primeiros réus listados na denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR). Devem se manifestar, nesta ordem, os advogados de defesa de José Dirceu de Oliveira e Silva, José Genoíno Neto, Delúbio Soares de Castro, Marcos Valério Fernandes de Souza e Ramon Hollerbach Cardoso.
 
Segundo o cronograma aprovado pelos ministros do STF, cada advogado de defesa terá uma hora para se pronunciar. Em suas alegações finais apresentadas no curso da ação do Mensalão, todos os advogados negam a participação de seus clientes nos crimes narrados na denúncia e pedem absolvição, sustentando a inexistência de provas.

Fonte: STF

Deixe seu comentário