Caminhão que transportava a droga.
Paranaense foi preso em Mato Grosso do Sul com 2,5 toneladas de maconha que, segundo ele, teriam sido adquiridas na fronteira com o Paraguai, para serem entregues no Rio de Janeiro. O flagrante feito pela Polícia Rodoviária Federal (PRF)  aconteceu na tarde de quarta-feira, na BR-163, região de Caarapó. Marcos Aparecido Rodrigues, de 30 anos, foi autuado em flagrante.

De acordo com a PRF, apreensões deste tipo têm sido comuns em razão dos Jogos Olímpicos do Rio, porque as facções aproveitam o período para abastecer os estoques e faturar com as vendas a turistas brasileiros e estrangeiros. A droga estava escondida sob carga de carne processada com documentação legal, artifício usado para tentar driblar a fiscalização.

Durante fiscalização na altura do quilômetro 210 da rodovia, os policiais flagraram o material sendo transportado em um caminhão baú carregado com carne. O motorista disse que havia sido contratado para realizar o transporte de Aral Moreira até o Rio, sendo pago com o caminhão. O veículo estava em nome de uma empresa que será investigada pela polícia.

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário