Mulher de 36 anos foi presa tentando entrar no Estabelecimento Penal de Aquidauana com um telefone celular escondido dentro de uma lata de sorvete. O aparelho, segundo ela, seria entregue ao marido que compre pena na unidade. Os fatos ocorreram domingo.

De acordo com o boletim de ocorrência, durante vistorias no horário de visita, um dos agentes desconfiou dos objetos que a mulher transportava para dentro do presídio e, durante a fiscalização, encontrou o celular da marcar Samsung escondido dentro da lata de sorvete.

Questionada, ela disse que entregaria para o marido recolhido. Diante do flagrante, ela  foi autuada pelo crime de “favorecimento real, quando ingressar, promover, intermediar, auxiliar ou facilitar a entrada de aparelho telefônico de comunicação móvel, de rádio ou similar na cadeia”.

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário