Cabo aposentado da Polícia Militar Gilmar Firmino Santana, de 49 anos, foi preso depois de atirar contra casal em chácara de Terenos, na noite de terça-feira (1º). Ele mesmo acionou a PM e entregou a arma usada no crime. A mulher morreu no local e o marido dela foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em estado grave.
 
Por volta de 20h40min, o militar aposentado ligou para a polícia informando sobre o caso. Quando os policiais chegaram até a propriedade, Fabiana Aparecida Bastos Andrade,40, já estava morta e William Assis dos Santos,30, tinha um ferimento no lado direito do peito.
 
Aos militares, o cabo aposentado contou que o casal chegou na casa dele às 15h30min e, sem motivo, começaram a agredi-lo fisicamente e verbalmente. Ele sacou a arma — revólver calibre .38 — que estava entre as pernas e atirou uma vez contra Fabiana e outra contra William.
 
William estava consciente quando o socorro chegou, porém, não estava sentindo as pernas.
 
Santana disse ainda ter ligado várias vezes para a PM, mas as ligações caíram em pelotões de outros municípios, o que foi confirmado pela Polícia Civil. O cabo foi levado para a delegacia e será investigado por homicídio e tentativa de homicídio.

Fonte: Correio do Estado


Deixe seu comentário