Morto por causa de R$ 10 reais
O fato de estar na linha de fronteira com o Paraguai, onde o tráfico de drogas apresenta índices alarmantes, faz de Ponta Porã a cidade mais violenta do Estado. As várias execuções da última semana comprovam essa projeção. No fechamento, ontem, mais uma morte, tendo como motivação um desentendimento entre dois cidadãos.

Por volta das 13h35 deste sábado, Rodrigo Gomes Redis, 22, estava na companhia de seu irmão e um terceiro elemento, na esquina entre a Rua 15 de Novembro e a Av. Marechal Floriano, quando uma discussão envolvendo dinheiro acabou em morte. O desconhecido, que tomou rumo ignorado, esfaqueou Rodrigo na altura do peito, causando morte instantânea.

Agentes da Policia Militar e investigadores da Policia Civil estiveram no local, que foi isolado para os primeiros levantamentos. Em buscas, nas imediações, um suspeito foi preso e encaminhado a Delegacia de Policia Civil de Ponta Porã para esclarecimentos. Segundo o irmão de Rodrigo, o assassino devia R$ 10 reais e ao ser cobrado não gostou, reagindo de forma violenta. Ambos seriam usuários de drogas.

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário