Os petrechos, que mediam 200 metros foram apreendidos.
Durante fiscalização no rio Baía, afluente do rio Paraná, no município, Policiais Militares Ambientais de Batayporã prenderam no ultimo domingo (4) à tarde, um pescador por pesca predatória.

O infrator foi avistado em uma embarcação no rio, conferindo redes que havia armado e retirando peixes desses petrechos ilegais de pesca. Quando os policiais chegaram, vários peixes presos às redes, pesando em torno de 10 kg, ainda estavam vivos e foram soltos no rio.
 
Os petrechos, que mediam 200 metros foram apreendidos. Esse tipo de petrecho tem uso proibido, devido ao alto poder de captura e de degradação dos cardumes. No acampamento onde o infrator estava foram apreendidos 6 kg de peixes, com sinais de captura pelas redes. Também foram apreendidos um barco e um motor de popa O pescador iniciava a pescaria ilegal, por isso ainda não havia capturado maior quantidade de pescado.
 
O pescador, de 43 anos, residente na cidade de Califórnia (PR), recebeu voz de prisão e foi conduzido, juntamente como o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Batayporã, onde ele foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca predatória e saiu depois de pagar fiança.

Se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção. A PMA também autuou administrativamente o infrator e arbitrou multa de R$ 820.
 

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário