Policiais Militares Ambientais de Aquidauana realizavam fiscalização ambiental e abordaram ontem (7) nas proximidades do Clube do Laço Pantaneiro, em Aquidauana, um veículo marca Fiat Fiorino, com placas de Campo Grande, onde era transportado pescado Ilegal. 
 
O condutor do veículo, de 43 anos, estava com 27 exemplares de peixes das espécies pintado e cachara, pesando 133 kg, sendo 14 exemplares abaixo da medida permitida por lei.
 
O infrator, em momento falava que capturou o pescado, outra hora que comprou e, em alguns momentos, que só procurava uma peixaria para vender os peixes.
 
O pescado ainda apresentava sinais de ter sido capturado por petrechos proibidos de malha do tipo redes ou tarrafas e fora capturado já em período de piracema. O pescado e o veículo foram apreendidos. 
 
O infrator, residente em Anastácio, recebeu voz de prisão e foi encaminhado, juntamente com material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, onde ele foi autuado em flagrante por crime ambiental de transporte de produto da pesca predatória.  A pena para o crime é de um a três anos de detenção.
 
A PMA lavrou um auto de infração administrativo e aplicou multa de R$ 4.660,00 contra o autuado. O pescado será doado para instituições filantrópicas depois de periciado.

Fonte: Da Redação - Com informações assessoria


Deixe seu comentário