Pescadores foram multados por pescarem com petrecho proibido (tarrafa) e em local proibido
Policiais Militares Ambientais do Posto da Cachoeira do Sossego, em Rochedo realizavam fiscalização nas imediações do local onde é instalado um Posto da PMA, nas proximidades do rio Aquidauana e prenderam ontem (25) à tarde, dois pescadores por pescar com petrecho proibido (tarrafa) e em local proibido.
 
Os policiais avistaram dois homens praticando a pesca predatória, em um local a menos de 200 metros da Cachoeira do Sossego (local proibido para a pesca), no município de Rochedo, utilizando uma tarrafa (petrecho proibido). Sem serem visto, os policiais chegaram aos criminosos e deram voz de prisão.
 
Com os autuados, um de 25 anos, residente em Rochedo e um de 31 anos, residente em Coxim, foram apreendidos 7 kg de pescado e uma tarrafa. Eles iniciavam a pescaria, quando foram presos. Felizmente não existia nenhum cardume no local, pois a PMA mantém policiais em um Posto nessa cachoeira do Sossego, exatamente pela vulnerabilidade dos cardumes no local, especialmente com essa prática de pesca com este tipo de petrechos, com alto poder de dizimar cardumes rapidamente.
 
Os infratores foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Rochedo, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória. Eles também foram autuados administrativamente e multados em R$ 800 cada um. O pescado será doado para instituições filantrópicas, depois de periciado.
 

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário