Policiais Militares Ambientais de Corumbá foram acionados na última terça-feira (23) à noite por fiscais da Receita Federal, do posto Esdras, em razão da detenção de dois bolivianos que transportavam iscas vivas ilegalmente.

Um homem de 27 anos, acompanhado de um adolescente de 17 anos, levavam do Brasil, 1.000 iscas vivas das espécies tuvira, jejum e caranguejos, que tinham capturado sem autorização ambiental.
 
As iscas que estavam em tambores plásticos eram transportadas no porta-malas de um veículo Toyota Corolla, com placas da Bolívia. Tudo foi apreendido. As iscas foram soltas na Baía do Tamengo, no Pantanal.
 
Os infratores foram conduzidos à delegacia de Polícia Federal de Corumbá para responder por crime ambiental de transporte de produto da fauna ilegalmente, que prevê pena de três meses a um ano de detenção.

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário