Policiais Militares Ambientais de Campo Grande realizavam fiscalização fluvial pelo rio Paraguai no município de Corumbá, durante a Operação Padroeira do Brasil, e localizaram uma construção de edificação ilegal às margens do rio ontem (12). 
 
O proprietário da fazenda não possuía licença ambiental para a edificação de 126 m2, que se encontrava em área de matas ciliares – Área protegida de Preservação Permanente (APP). A atividade foi embargada.
 
A pessoa jurídica da fazenda foi autuada administrativamente por degradação de Área de Preservação Permanente e multada em R$ 25.200.
 
O proprietário da fazenda poderá responder por crime ambiental, com pena prevista de um a três anos de detenção.
 

Fonte: Da Redação - Com informações assessoria


Deixe seu comentário