O ex—prefeito de Camapuã e ex-deputado estadual Moysés Nery, do PMBD, recebeu há alguns dias a sentença definitiva proferida pelo Juiz Douglas Silva Teixeira, resultado de um processo ajuizado pelo Ministério Publico de Mato Grosso do Sul, onde foi acusado de improbidade administrativa.

Moysés Nery teve seus direitos políticos casados por três anos.

Nos autos do processo 0800478-64.2011.8.12.0006 (que é público e pode ser acessado no portal do tribunal de justiça) foram apuradas irregularidades na contratação ilegal de pessoas, sem concurso público, pagamentos indevidos e falta de documentação em diversos processos de contratação temporária.

O dano ao erário público ficou confirmado após as oitivas do MP feitas com base em reclamações trabalhistas feitas por alguns destes contratados e resultou na cassação imediata dos direitos políticos do ex-prefeito e no pagamento de multa correspondente a dez vezes o valor da remuneração recebida pelas pessoas contratadas irregularmente. O valor da multa segue para cálculo e posterior cobrança.

Além de ficar impossibilitado de concorrer a cargos públicos o ex-prefeito inclusive não terá o direito ao voto nessas eleições onde coincidentemente seu filho, o Vereador Manoel Nery, concorre a cadeira de Prefeito naquela cidade.


Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário