No palanque, Reinaldo engrossou o discurso da nova política

O governador do Estado, Reinaldo Azambuja participou do primeiro comício do candidato a prefeito de Jardim pelo PSDB, Guilherme Monteiro, na noite desta sexta-feira (27), que reuniu mais de mil pessoas na Vila América.

No palanque, Reinaldo engrossou o discurso da nova política, afirmando que os candidatos precisam praticar uma campanha baseada em propostas e voltada para a sociedade, fugindo daquele velho perfil de perseguições e acusações.

“A surpresa destas eleições, com certeza será os políticos que nascem da sociedade, para representar essa sociedade. Não é uma politica de atirar pedras, mas sim de propostas e ideais”, afirmou.

Acompanhado dos secretários de governo, Eduardo Ridel e Marcelo Miglioli e do dirigente estadual do Solidariedade, Bosco Martins, Azambuja falou por mais de meia-hora. Com o tom emocionado, lembrou do ex-prefeito Evandro Bastos e do agora deputado federal Márcio Monteiro, que também foi prefeito da cidade e é pai do atual candidato.

“O Guilherme, assim como o pai, está começando cedo na política e tem tudo para ser um bom administrador para Jardim. O Márcio e o Evandro são grandes amigos, por quem eu tenho muito carinho e respeito. Foram eles que trouxeram infraestrutura e saneamento para a cidade, e por isso não tenho dúvidas do potencial do Guilherme”, disse o governador.

Ao lado do vice Geraldo Marques (PMDB), Guilherme encabeça a coligação ‘Acredita Jardim’, na qual estão inclusos o PPS / DEM / PSD / SD / PTB / PSB. Em seu primeiro discurso aos eleitores, o tucano afirmou que tem como objetivo ‘devolver a felicidade ao povo de Jardim’.

Os 34 candidatos a vereadores da coligação, também discursaram no comício, apresentando seus nomes e propostas. Ele vai disputar a prefeitura com o atual prefeito, Dr. Erney (PT) e com o Pastor Élcio (PEN).
Rota do desenvolvimento

O governador também aproveitou a oportunidade para reforçar os investimentos na região sudoeste do Estado, lembrando que já neste ano, começa o escoamento de soja por Porto Murtinho, através de uma parceria com um grupo argentino. “O corredor bioceânico vai colocar a região sudoeste novamente do centro das atenções do Estado”, finalizou.

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário