Serpa no palco da comemoração dos 50 anos do Grupo ACABA
Na noite de sábado do último dia 24, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, em Campo Grande, o Grupo ACABA comemorou 50 anos de sucesso. O auditório Manoel de Barros lotou e o show “Pantanal Nascentes, Rios e Vertentes” encantou o público e contou com a participação de muitos convidados especiais. Dentre eles, estava o aquidauanense Serpa, um dos ilustres nomes da música em nossa cidade, famoso  por cantar as belezas de nossa terra. Com um repertório diversificado, Serpa participou de bandas carnavalescas, de animação, e atualmente lançou seu 6º volume com músicas românticas retratando sua carreira. 
 
Conhecido por tocar na Banda do Barril com Lima Neto, a versatilidade do cantor perpassa por muitos ritmos, tais como chamamé, MPB, marchinhas e sambas. Sem dúvida uma referência musical importantíssima para nosso estado.
 
 Também participaram da festa o aquidauanense Lamartine Ribero, a cantora Delinha que levantou a plateia, acompanhada de seu filho, João Paulo. A dama do rasqueado mostrou todo o seu talento, inclusive cantando Galopeira e Mercedita. Os demais nomes foram os cantores Guga Borba, Celito, Gilson e Geraldo Espíndola, Paulo Simões, Lenilde Ramos e também o grupo artístico do Colégio Montessori, com show de dança e coral. 
 
  Os músicos do Grupo Acaba mostraram toda sua trajetória, cantando sucessos desde 1964. Sempre inspirados nas antigas canções de roda do Estado, fizeram um belíssimo espetáculo. Para Moacir Lacerda, um dos integrantes do grupo “Foi uma batalha pesada, mas graças a Deus chegamos a uma antologia do Grupo Acaba com 85 músicas gravadas. Aqui no DVD, nesta noite foram 25 canções gravadas. Primeira coisa, o Pantanal, não tem limites, o Pantanal é diversidade e a gente convive com isso aí, o Grupo Acaba nunca foi fechado embora a gente venha de raízes de folclore, mas nós temos uma questão social, do show business, da fronteira”.
 
Foi uma noite memorável para ficar nos corações daqueles que apreciam a boa música de nosso estado, com nomes de peso que abrilhantaram ainda mais as estrelas principais, o Grupo ACABA, que segundo Moacir, disse ser o fechamento de um ciclo, a renovação do grupo e de ideais com novas propostas de trabalhos, salientou.
 
 
Com informações do Campo Grande News

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário