Prefeito reuniu-se com equipe de coordenação do Pantanal Extremo (Foto: Clóvis Neto)
A quarta edição do Pantanal Extremo – Jogos de Aventura começa oficialmente no próximo dia 25 com o Seminário da Escola Extrema, marcado para às 8 horas no Centro de Convenções Miguel Gómez. Mas já na quinta-feira, 24, o Curso de Orientação acontece durante todo o dia no mesmo local. Neste ano, a ausência da canoagem, modalidade que terá uma etapa do Campeonato Brasileiro sábado e domingo em Aquidauana, desagradou competidores.
 
“É uma pena que saiu da programação [do Pantanal Extremo]. No ano passado eu participei, subimos o rio Paraguai com um barco da Marinha e foi muito interessante, pois pudemos ver capivaras e jacarés”, lamentou Marcos Zanghelili, o Zanga, que saiu de Jaraguá do Sul, em Santa Catarina, e viajou mais de 1.400 quilômetros para disputar o Brasileiro em Aquidauana.
 
Pantanal Extremo
 
Na sexta-feira a tarde, a partir das 16 horas, será realizada a Corrida de Trilha do Extreminho no Parque Marina Gattass. O percurso é de 2 quilômetros. No sábado, dia 26, a largada do Stand Up Paddle (SUP) será às 9 horas na Baía do Tuiuiú. A chegada é na Prainha do Porto Geral. A prova define o campeão brasileiro de Race Maratona e também é valida como etapa do Circuito Brasileiro de SUP.
 
No período da tarde, às 17 horas, acontece a Corrida de Trilha. Nesse ano existem dois percursos para a modalidade: um de 7 km e outro de 13 km, ambos com largada e chegada no Porto Geral. O evento contará com toda infraestrutura necessária para garantir a logística, segurança e qualidade da prova: guarda-volumes, banheiros químicos, atendimento médico emergencial, pontos de água durante o percurso, entrega de fruta/isotônico, cerimônia de premiação, chip de cronometragem e kit de participação. A Corrida de Trilha conta com a supervisão da Federação de Atletismo de MS.
 
No domingo, 27, a largada do Mountain Bike será às 7h30 para os competidores da Categoria Pró, com percurso de 100 km, e às 7h50 para os ciclistas da Categoria Sport, onde o trajeto a ser percorrido é de 63 km. O MTB é a modalidade com maior número de inscritos no Pantanal Extremo 2016. São 530 bikers de todas as partes do Brasil envolvidos na disputa.
 
Ainda na manhã do domingo, será realizada a Maratona Aquática Amadora às 8h30. O percurso é de 1 mil metros. A prova profissional acontece às 9h15, com largada do Parque Marina Gattass. O percurso é de 5 km, com chegada na Prainha. A edição 2016 do Pantanal Extremo terá o recorde de participantes inscritos. São 1.300 atletas de várias regiões confirmados no evento.
 
Nessa quinta-feira, 3 de novembro, o prefeito Paulo Duarte reuniu-se com a equipe de coordenação dos Jogos de Aventura para discutir os detalhes da competição. “O Pantanal Extremo é um evento consolidado no calendário estadual e nacional e que, além de divulgar nossas belezas naturais, movimenta a economia local”, afirmou o chefe do Executivo municipal.
 
“Com esse evento, conseguimos consolidar uma outra perspectiva para a região, um outro tipo de turismo: o de esportes de aventura. Com isso também fortalecemos a prática esportiva aqui dentro da cidade. Hoje é comum vermos ciclistas espalhados em várias regiões de Corumbá, diversos grupos que se reúnem para pedalar, correr ou praticar o SUP. Esse era um dos objetivos que pretendíamos com o evento e que conseguimos atingir”, completou Paulo Duarte.
 
O Pantanal Extremo é realizado pela Prefeitura de Corumbá e conta com o apoio do Exército Brasileiro, por meio da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira, e da Marinha do Brasil, por meio do 6º Distrito Naval. Mais informações podem ser obtidas no www.pantanalextremo.com.br
 

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário