As chuvas registradas em Mato Grosso do Sul desde o último domingo (28) têm deixado a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil em alerta. Até o momento não foram registrados estragos, mas o órgão mantém contato contínuo com as coordenadorias municipais para prestação de orientação e auxílio.

Segundo dados do Centro de Pesquisa e Capacitação da Agraer (Cepaer), o mês de agosto de 2016 é segundo mais chuvoso deste período desde 2008, ano em que o Centro iniciou as atividades em Mato Grosso do Sul. Este ano, entre os dias 1º e 29 de agosto, foram registrados 1.461 milímetros de chuva. Na mesma comparação, o agosto de 2009 foi o mais chuvoso (1.859,6 milímetros) e o mesmo mês de 2013 o menos chuvoso (46 milímetros).

Naviraí

A cidade de Naviraí foi uma das mais afetadas pelo mau tempo. Em 20 de agosto as fortes chuvas romperam parte do asfalto do prolongamento da Avenida Weimar Gonçalves Torres, na área urbana do município. Conforme a Defesa Civil, o projeto de gerenciamento de obras para reparos no local deve ser colocado em prática assim que as condições climáticas permitirem. Enquanto isso, o local segue interditado e com sinalização da equipe de trânsito local e da Polícia Militar. Nos outros municípios do Estado não foram registrados estragos.

Fonte: Governo do MS


Deixe seu comentário