Se não fossem ladrões, Alexssandro Lopes, 30, e Roney Soares de Souza, 29, poderiam ser chamados de “caras de pau”. Ambos moram em Campo Grande, e na madrugada deste domingo, 12, resolveram assaltar de forma diferente. Eles abordaram cinco pessoas, dizendo num momento inicial que eram “policiais”.

Segundo a Polícia, as primeiras vítimas foram duas mulheres, de 36 e 39 anos, na Rua Rio Grande do Sul. Os dois homens roubaram o automóvel, um HB 20,  e vários objetos.  No ato seguinte, já na rua Francisco Castelo, três jovens caminhavam quando receberam a famosa voz de comando: “É a Polícia. Deitem-se no chão!”. Ao fazê-lo tiveram celulares e carteiras roubados.

Com o registro da primeira ocorrência, uma guarnição da Policia Militar, avistou o carro roubado, com os dois ladrões. Na revista todos os objetos roubados foram encontrados, além de um revólver calibre 32, com seis munições intactas. Se num jogo de cena ou não – não sabe – Alexssandro sofreu um desmaio, passando, antes de ser encaminhado para a Delegacia, por um Posto de Saúde.  Pelo menos desses dois os campo-grandenses estão livres, por enquanto.  Mas, vá que mudem de vida?

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário