Duas importantes obras para o fortalecimento da regionalização da saúde em Mato Grosso do Sul estão sendo anunciadas pelo Governo do Estado. 

Nesta quinta feira, 09, em Aparecida do Taboado, onde participou da solenidade de lançamento da pedra fundamental da obra do Terminal Intermodal, o governador Reinaldo Azambuja anunciou que dentro de 15 dias vai assinara ordem de serviço que dará início à construção do Hospital Regional da Costa Leste. Com recursos orçados em R$ 55 milhões, a instituição será o Hospital Escola para os acadêmicos do curso de medicina da UFMS.  De acordo com ele, o dinheiro “já está no caixa” guardado para a execução da obra.

Já em Dourados o deputado federal Geraldo Resende disse que esteve com o governador do Estado e entre os assuntos pautados esteve a construção do Hospital Regional de Dourados (HRD). Reinaldo teria garantido que dentro de 30 dias terá início o processo licitatório para definição da empresa que vai executar a obra. O HDR demandará investimento total de R$ 51 milhões e atenderá um raio de 34 municípios da região da Grande Dourados.  Em anexo serão construídos um Centro de Especialidades Médicas e um Centro de Diagnóstico.

Para o governador Reinaldo Azambuja “temos que pensar na saúde regionalmente”. Em relação a capital do bolsão, disse que “a lógica hoje é fazer forte a Atenção Básica e estruturar uma média complexidade dentro do município. Hoje não há fartura de recursos, então temos que otimizar os que temos”.  Com relação ao HRD os recursos virão do governo federal, através de emendas individuais do deputado Geraldo Resende, com contrapartida do governo do Estado.

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário