Direção da rádio acompanha instalação do novo sistema.
Uma distribuição de sinal com muito mais força e alcance. A América FM de propriedade do empresário Raul Freixes, aumenta a potência de transmissão, melhorando a qualidade do sinal que chega aos ouvintes. Atualmente a emissora ocupa a primeira posição no estado no requisito abrangência territorial, e figura entre as de maior cobertura no país. 
 
Sob a serra de Maracaju, seu núcleo  irradiante é capitaneado por dois transmissores, que se alternam, porém a exposição do sistema irradiante á 750 metros de altitude absorve muitas descargas elétricas, danificando o sistema e tirando a emissora do ar.
 
 Um novo elemento de proteção que  sustentado por uma grade que blinda antenas e cabos também foi instalado, na expectativa de minimizar essas variáveis atmosféricas. Dado a sua estrutura que representa um alto investimento, a direção aposta em uma resposta inteligente do mercado. "Anunciar aqui é um tiro de canhão, nas concorrentes é um disparo de espoleta", afirma Freixes. 
 
A radio se especializou também na formatação das campanhas publicitárias de seus clientes, que são contemplados com a construção do projeto publicitário, anunciando em horários específico para seu público consumidor. Da mesma forma os anúncios que são elaborados obedecendo uma regra sócio-cultural voltada para o segmento a que se destina.
 
Afastado

Devido a uma decisão judicial de 1º grau expedida pelo Poder Judiciário da Comarca de Aquidauana, o empresário e comunicador Raul Martinez Freixes foi afastado da administração da rádio FM América em janeiro. Raul teria assumido a referida emissora, mediante ação, onde alegou quebra de contrato no dia 05 de novembro de 2014, quando a emissora era então administrada pela Empresa Editora GDS Ltda Me. A situação foi regularizada.
 

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário