Por volta das 18h30 de ontem (28), cerca de quinze carros se envolveram em um grave engavetamento na BR 262, próximo ao quilômetro 458. Segundo informações das PRF não houve pessoas gravemente feridas.
 
No momento do acidente, o trânsito na região estava um pouco congestionado quando um carro, modelo Strada, estava fazendo uma ultrapassagem em local proibido e foi surpreendido por outro carro vindo em sua direção.
 
Para desviar, o motorista da Strada tentou voltar para a sua pista de rolagem quando bateu na traseira de outro carro, e este bateu no carro ainda mais a frente. Por conta da velocidade baixa de ambos os carros não houve grandes estragos, e segundo testemunhas, o motorista da Strada não prestou socorro.

Um dos carros envolvidos no acidente foi o da família aquidauanense Nepomuceno. Quem dirigia o carro Spin da marca Chevrolet era Carla Nepomuceno. Ela estava levando os pais Dona Célia e Sr. Agostinho e a sua filha para um velório em Campo Grande. Junto a eles também estavam as jovens estudantes Camilla e Yara Nepomuceno.

Em entrevista ao Site O Pantaneiro, as jovens relatam o susto que passaram. "O trânsito estava lento mesmo pelo grande volume de carros e por sorte a maioria deles estavam em baixa velocidade. De repente, o carro não conseguiu frear e bateu no carro da frente e sentimos uma forte pancada vindo de trás".

Segundo os ocupantes, após a batida, muitos motoristas e acompanhantes saíram dos carros e começaram a passar mal pelo susto. Foram socorridos Yara Nepomuceno (8 pontos no rosto), Amábile Nepomuceno (1 ponto na boca), o Sr. Agostinho e Camilla Nepomuceno.

As estudantes nos contam que ainda estão sentindo dores, mas não cansam de agradecer, através das redes sociais, a Deus por nada pior ter acontecido e às inúmeras mensagens de solidariedade que receberam da família e dos amigos.

Fonte: da Redação


Deixe seu comentário