Veículo bateu de frente em uma árvore e uma passageira morreu.
Foi sepultada às 16 horas de ontem, em Miranda, a adolescente de 17 anos vítima de acidente de trânsito ocorrido na madrugada de sexta-feira, na BR-262. A mãe dela, com fraturas nas mãos e braço, foi operada no mesmo dia e liberada para acompanhar o sepultamento. As duas eram passageiras de um veículo conduzido por policial rodoviário estadual que bateu em uma árvore ao tentar desviar de uma lona na pista. O policial foi levado para a Santa Casa de Campo Grande em estado grave, mas está fora de risco.
 
Conforme noticiado pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE),  o policial dava carona para as vítimas e seguia de Anastácio para Miranda. Ao passar pelo quilômetro 534, provavelmente se assustou com uma lona que estava na pista. O objeto pode ter caído de um caminhão que fez o mesmo trajeto. O motorista tentou desviar, mas perdeu o controle da direção e bateu de frente em uma árvore. A adolescente sofreu fratura na cervical, em razão do efeito chicote, e morreu. Todos estavam de cinto de segurança. 

Fonte: Da Redação


Deixe seu comentário